SAÚDE

Profissionais da Saúde contribuem com publicação científica
Profissionais da Secretaria Municipal de Saúde (SMS),




Roseane Andrade, representante da DAS e participante de uma das publicações. Foto: Ascom SMS

Profissionais da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em parceria com docentes de Instituições de Ensino Superior (IES) de Maceió, participaram da produção do manual “Discursos, saberes e práticas da Enfermagem 4”, publicado neste ano pela Editora Atena. O manuel é fruto de um trabalho iniciado em 2016 pela SMS, por meio da Diretoria de Atenção à Saúde (DAS), com o objetivo de fortalecer os profissionais de enfermagem das Unidades de Saúde, servindo como material de apoio para a execução de processos de trabalho.

De acordo com Roseane Andrade, representante da DAS, o manual é uma construção coletiva. “Este manual foi elaborado por enfermeiros docentes, embasados nos princípios técnicos, científicos e ético-legais dos afazeres da Enfermagem, bem como as necessidades da população do município de Maceió. Essa publicação disponibiliza aos profissionais, de forma prática e de fácil manuseio, os modelos de evolução da Enfermagem para serem utilizados em prática diária e nos prontuários físicos e eletrônicos dos usuários”, destaca.

A publicação conta com dois artigos científicos escritos por profissionais que atuam no âmbito da SMS, em parceria com instituições como Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Centro Universitário Cesmac, Centro Universitário Tiradentes (Unit), Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) e Faculdade de Tecnologia de Alagoas (FAT), através das Unidades Docentes Assistenciais (UDAs) que atuam nesses locais oferecendo atendimento à população.

Trabalhos desenvolvidos

Os profissionais da SMS participaram do manual com dois artigos, frutos de trabalhos já realizados com usuários do município. O primeiro deles foi o capítulo 8, intitulado “Assistência de enfermagem ao paciente com erisipela”, que teve o objetivo de descrever a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) como um método assistencial essencial ao processo de trabalho do enfermeiro, promovendo os cuidados de Enfermagem na reabilitação do paciente com erisipela, grave problema de pele e que necessita de muita atenção.


Nesse contexto, a SAE contribuiu para a assistência integral ao paciente, proporcionando impacto no acompanhamento contínuo e mudança de comportamento entre profissionais de saúde, pacientes e familiares.

O referido capítulo contou com a participação de Silvana Pereira (enfermeira da SMS), Cícera Alves (enfermeira da SMS), Regina Cristina Rodrigues (enfermeira da SMS), Nair Rose Gomes (enfermeira da Uninassau), Regilene de Lima (farmacêutica da SMS) e Lucas Daniel Souza (Graduando em Fonoaudiologia da Uncisal).

Outro capítulo do manual que contou com a participação dos profissionais da SMS foi o 19, intitulado “Utilização da SAE/CIPE na Consulta de Enfermagem na Atenção Básica”.

O objetivo do trabalho foi relatar a experiência da primeira fase de implantação da Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) e Classificação Internacional (Cipe) na consulta de enfermagem na Atenção Básica de Saúde. Participaram desse capítulo Regina Cristina Rodrigues (enfermeira da SMS), Cícera Alves (enfermeira da SMS), Nair Rose Gomes (enfermeira da Uninassau), Késia Jacqueline Ribeiro (SMS), Roseane Andrade (DAS- SMS), Silvana Pereira (SMS), Maria da Glória Freitas (enfermeira e docente do Cesmac) e Raquel Ferreira (docente da FAT).

Os trabalhos completos podem acessados aqui.

 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM