CIDADANIA

UTI do Helvio Auto será a 1ª com pressão negativa para tratar pacientes com Covid-19
Obras foram iniciadas no início deste mês e devem ser concluídas em 90 dias; investimento é R$ 3,6 milhões


Obras estão em andamento para que nova UTI fique pronta dentro de 90 dias

Em 90 dias, o Hospital Escola Drº Helvio Auto (HEHA), no bairro Trapiche, em Maceió, contará com a primeira Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de Alagoas com Pressão Negativa. Isso será possível graças aos investimentos, na ordem de R$ 3,6 milhões, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Com isso, a nova unidade irá dispor de uma técnica de isolamento que fornece um ambiente estéril, totalmente fechado e com pressão abaixo da atmosférica normal, propícia à recuperação de pacientes com doenças infectocontagiosas por vias aéreas, a exemplo da Covid-19.

Além de ser dotada de tecnologia de última geração, que também contribui para evitar a propagação de vírus, a nova UTI do Helvio Auto terá sua capacidade de atendimento ampliada. Quando estiver em funcionamento, o número de leitos passará dos sete atuais para dez, proporcionando que mais pacientes sejam atendimentos simultaneamente.

 A medida representa mais uma ação da Sesau para ampliar os leitos de Unidade de Terapia Intensiva em Alagoas, voltados para tratar pacientes acometidos pela Covid-19 e outras doenças infectocontagiosas.


Conforme o projeto arquitetônico elaborado pela Assessoria de Serviços de Engenharia e Arquitetura da Sesau, a Pressão Negativa é uma tecnologia de ponta, altamente moderna. Por meio dela, um sistema de ventilação impede que o ar de dentro do quarto migre para outros compartimentos, evitando a contaminação e, no caso do novo coronavírus, a sua propagação para outras áreas da unidade hospitalar.

Outras áreas – Além de a UTI, a Unidade de Doenças Respiratórias e o consultório do Pronto Atendimento também irão dispor da Pressão Negativa. A medida irá tornar o HEHA, que é referência no atendimento de doenças infectocontagiosas para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) e para a rede privada, um dos mais modernos hospitais alagoanos.

“Esta obra era um antigo pleito da equipe multiprofissional do Helvio Auto. Eestávamos programados para realizá-la no início do ano passado. Entretanto, com a pandemia da Covid-19, o projeto foi adiado. Este ano, estamos colocando a obra em prática para entregar novas UTIs, da Unidade de Doenças Respiratórias e do consultório de Pronto Atendimento com a tecnologia da Pressão Negativa”, ressaltou o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres.

O HEHA é uma unidade vinculada à Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) e, de acordo com o reitor Henrique Costa, a reforma e ampliação da UTI é mais uma obra concretizada por meio da parceria com a Sesau. “Ainda no início do ano passado, levamos o pleito para o secretário Alexandre Ayres, que assegurou a execução da obra. Mas, com a pandemia da Covid-19, tivemos que adiar o projeto, que foi retomado no início deste mês e tem previsão para ser concluído dentro de 90 dias, assegurando que a Uncisal tenha o único hospital alagoano com Pressão Negativa”, salientou.

Ainda de acordo com Henrique Costa, a nova UTI, a Unidade de Doenças Respiratórias e o consultório do Pronto Atendimento com Pressão Negativa, representam uma conquista para a comunidade acadêmica do Estado. Isso porque, o Helvio Auto é um hospital escola, que além de ser campo de estágio para a formação de diversos profissionais de saúde, é uma referência para as pessoas que precisem tratar doenças infectocontagiosas, sejam elas usuárias do SUS ou que tenham plano de saúde.


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM