FAMOSOS

Celso Portiolli, após quase 30 anos no SBT, é cortado por Silvio e detona situação nos bastidores: “Queria morrer”
O apresentador, que teve seu salário cortado, falou sobre sua trajetória no canal e contou sobre uma situação chata no início da carreira


Celso Portiolli é apresentador do Domingo Legal e está há mais de 25 anos no SBT, sendo um dos “queridinhos” de Silvio Santos (Foto: Renato S. Cerqueira)

Celso Portiolli já tem quase três décadas de contrato com o SBT. Hoje no comando do Domingo Legal, o famoso falou sobre sua história na emissora de Silvio Santos – que recentemente precisou cortar o salário dele.

Segundo o jornal Metrópoles, diante da crise da empresa, o veterano passou a receber R$ 250 mil fixos e o restante ficará como comissão pelo merchandising na atração dominical. Um dos maiores salários da casa continua nas mãos de Eliana, que ganha cerca de R$ 900 mil.  

Celso Portiolli expõe situação nos bastidores
Apesar de fazer muito sucesso hoje em dia, o animador já passou por situação bem chata no passado. Para quem não se lembra, ele assumiu o papel de substituto de Angélica, que trocou o SBT pela Globo. “Quando pisei no palco, 250 alunos me vaiaram. Eu queria morrer. Estava saindo a Angélica e entrando um Zé Ninguém”, disse em entrevista ao The Noite.

Celso Portiolli recusou herança do pai e construiu patrimônio do zero

Após o pai duvidar de sua capacidade de seguir carreira como comunicador, o famoso decidiu não contar com a ajuda dele. Na conversa com Danilo Gentili, ele revelou que abriu mão de um dinheiro deixado pelo patriarca e decidiu andar com as próprias pernas. “Comecei do zero e não era pouca herança. Não ajudei a construir, não vou ajudar a gastar”, declarou.


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM